• Maiara Costa

Havertz é a principal contratação na grande janela de transferência do Chelsea

Havertz é a mais nova contratação do Chelsea, time de Frank Lampard já trouxe outros quatros jogadores para o time principal.

Kai Havertz sendo apresentado pelo Chelsea no Stamford Bridge. (Foto: @DFB_Team_EN via @ChelseaFC)
Kai Havertz sendo apresentado pelo Chelsea no Stamford Bridge. (Foto: @DFB_Team_EN via @ChelseaFC)

Enfim Kai Havertz foi anunciado como jogador do Chelsea, após longos meses de negociações entre o clube inglês e o Bayer Leverkusen. Dessa forma, o acordo total deve render algo em torno de € 80 milhões para o time alemão. Com isso. o jovem alemão é visto como a grande contratação do clube inglês nessa janela, seja pelo alto valor da contratação ou pelo seu enorme talento. Desse modo, o meio-campista agora se junta a Hakim Ziyech, Ben Chilwell, Thiago Silva e seu compatriota, Timo Werner. Além disso, nesse intervalo, o clube de Londres também trouxe Malang Sarr e Xavier Mbuyamba, mas esses jogadores devem ser emprestados antes do início da próxima temporada.


O ex-jogador do Bayer Leverkusen chega ao time de Stamford Bridge em alta depois de duas boas temporadas, especialmente na Bundesliga, quando marcou 29 gols e deu ainda 9 assistências.


O jovem alemão terá excelente companhia no Chelsea: Timo Werner e Ziyech serão seus companheiros de ataque. O trio na temporada passada em seus respectivos times, marcaram no total 60 gols, o Chelsea na Premier League marcou 69.


Contudo, não foi apenas o ataque que ganhou novas contratações, Thiago Silva e o lateral esquerdo, Ben Chilwell, chegam para tentar melhorar a pior defesa do Chelsea no século XXI. Logo, o brasileiro chega de um PSG que foi finalista da última Champions League, em que começou 9 das 11 jogos do time francês na competição. Também foi bastante regular no time de Thomas Tuchel no campeonato francês, ao jogar 21 partidas das 27 disputadas. Por outro lado, Chilwell é uma contratação de menos impacto, o lateral teve altos e baixos na temporada passada pelo Leicester, teve boas atuações em 2019, o que o fez chegar a seleção inglesa, mas um 2020 à baixo das expectativas.


Agora, Lampard terá a oportunidade de comandar muitos bons jogadores nos Blues, depois de uma primeira temporada sem poder contratar e cheia de jovens da base no elenco. Só que da mesma forma que qualidade sobe, a pressão para vencer um título e conseguir ir mais longe na Champions League aumenta.


Leia também:


As 5 maiores goleadas da história do Brasileirão

https://www.onagaveta.com.br/post/as-5-maiores-goleadas-da-hist%C3%B3ria-do-brasileir%C3%A3o


5 jogadores brasileiros que jogam por outras seleções

https://www.onagaveta.com.br/post/thiago-alcantara-e-mais-quatro-jogadores-que-jogam-por-outras-sele%C3%A7%C3%B5es


Hegemonia do futebol feminino: Lyon conquista sua sétima Champions

https://www.onagaveta.com.br/post/hegemonia-do-futebol-feminino-lyon-conquista-sua-s%C3%A9tima-champions

0 comentário