As contratações com pior custo-benefício nos últimos anos - Parte 2

Sabemos que hoje em dia o futebol move quantias exorbitantes em contratações, sendo assim listamos alguns jogadores com pior custo-benefício da Europa, ou seja, as contratações que tiveram valor alto e pouca entrega dentro de campo dos últimos anos.


Benjamin Mendy

O caso de Mendy talvez seja um dos mais complicados, afinal a expectativa de vê-lo no City era grande, essa era compartilhada até mesmo por seu treinador. O jogador chegou para vestir a camisa e jogar, ser titular absoluto da lateral esquerda dos “Citizens”, o que até aconteceu no começo de sua empreitada, mas que desandou após o jogador sofrer com uma lesão no joelho. O fato é que o pouco que se viu, foi suficiente para deixar um gostinho de “quero mais” nos torcedores, ainda mais depois de que nenhum outro jogador conseguiu suprir as necessidades de Pep pelo setor.


O que se espera é que o francês, mesmo depois de recorrentes lesões, volte a sua melhor forma e faça valer os 57,5 milhões de euros investidos nele.


Danilo

Na temporada 19/20 a Juventus contratou o brasileiro Danilo, para ser o titular da lateral direita, dito e feito o jogador de fato foi, no entanto, suas atuações foram contestáveis e tem quem diga que o principal problema da Juve são os laterais. Danilo não empolga e não engrena em nenhum lugar, desde que saiu do Porto, ele tem muitos altos e baixos, teve passagens pelo Real Madrid onde não conseguiu uma grande sequência de jogos e posteriormente se encaminhou ao Manchester City onde também não emplacou.


É verdade que o valor gasto é o segundo menor da lista, os italianos gastaram 37 milhões de euros para contratá-lo, mas pela sequência de temporadas abaixo do esperado e pela baixa regularidade, o jogador está apto a estar em nossa lista.


Pépé

O marfinense se transferiu ao clube londrino na temporada passada e chegou com status de estrela, para dividir o posto de craque do time com Aubameyang. O Arsenal não via sua contratação como uma aposta, afinal Pépé não era mais nenhum menino. Sim é verdade que ainda é um jovem de 25 anos, mas sua temporada no Lille com uma idade mais consolidada parecia atrativo.


A realidade, pelo menos até agora é outra, Pépé parece entender e ter uma boa cabeça, mas já passou na mão de dois treinadores em uma única temporada, ao meu ver não se adaptou direito ainda e pode render, mas enquanto isso não ocorre o jogador entra em nossa lista, pois foram apenas 5 gols e 6 assistências na temporada. Muito pouco para um jogador de 80 milhões de euros.


Griezmann

É verdade que os números de Griezmann na última temporada não são tão ruins, contudo, temos que levar em conta o nível de participação e atuação que ele teve na última temporada. Quando foi contratado, a expectativa era que tivéssemos um novo trio arrasador, assim como o MSN foi um dia.

Por todos os problemas que ocorreram no clube e da forma com que ocorreram, isso agravou ainda mais a situação do atacante francês, que ainda se envolveu em polemicas piorando ainda mais sua imagem perante os fãs catalães.


É por todo esse conjunto da obra e por 120 milhões de euros creditados no atual campeão do mundo que ele entra em nossa lista, entretanto sabemos que Antonie tem total capacidade de virar o jogo e se tornar um dos principais nomes do Barcelona, ao lado de Messi.


Ndombélé

Após ótima temporada no Lyon, o meia francês se transferiu para o Tottenham, que almejava reforçar seu elenco posteriormente a uma final de Champions League e, por isso, viu em Ndombélé uma ótima oportunidade, não à toa desembolsou 60 milhões de euros.


Na última temporada o meia não entregou o que era esperado, afinal pela quantia investida o que pensavam é que ele viraria dono do meio campo britânico. Porém, não foi nem de longe o que aconteceu, assim como o clube o jogador fez uma temporada bem abaixo, muitos ainda o defendem colocando a culpa disso tudo na adaptação ao estilo de jogo, no entanto, o que se viu nessa última pré-temporada foi mais do mesmo, um atleta com começo ruim.


Mesmo assim o jogador despertou o interesse do Barcelona, será que uma mudança de ares cairia bem a seu futebol?


Lemar

Após ótima temporada no Monaco na temporada 17/18, o ponta esquerda se mudou para Madrid e passou a vestir a camisa colchonera. O Atlético de Madrid esperava que Lemar fosse uma das suas estrelas e os ajudassem a conquistar a tão sonhada Champions League, entretanto o que obteve foi um grande problema. Isso porque a transferência custou caro, 70 milhões de euros. Isso tudo rendeu até o momento apenas 3 gols e 6 assistências e uma grande dificuldade de negociá-lo.


Os colchoneros, inclusive, trouxeram Carrasco de volta para suprir o problema da ala esquerda, já que a torcida fazia grandes críticas ao francês.


Leia Também:


Será mesmo que teremos essa "The Last Dance" entre Barcelona e Messi?

https://www.onagaveta.com.br/post/será-mesmo-que-teremos-essa-the-last-dance-entre-barcelona-e-messi


5 jogadores que estão surpreendendo no Brasileirão

https://www.onagaveta.com.br/post/jogadores-que-estão-surpreendendo-no-brasileirão


5 Jogadores brasileiros para ficar de olho na temporada

https://www.onagaveta.com.br/post/5-jogadores-brasileiros-para-ficar-de-olho-na-temporada


https://www.onagaveta.com.br/post/as-contrata%C3%A7%C3%B5es-com-pior-custo-benef%C3%ADcio-da-europa-nos-%C3%BAltimos-anos


0 comentário